terça-feira, 19 de agosto de 2008

Mondim de Basto: Caso de miséria total

Em Tejão, Mondim de Basto, numa aldeia perdida da Serra do Alvão, uma mulher de 92 anos vive na miséria e solidão. Sem água, luz ou casa de banho faz as necessidades num balde e às vezes tem a fome por companhia.

in Correio da Manhã
19-08-208

...Vivemos numa sociedade maioritariamente covarde e no mar da ignorância cívica e da degradação moral.
O Mundo está a ser destruído,e os nossos filhos serão os novos escravos de um Estado corrupto e prevaricador.

1 comentário:

MarTIC@ disse...

Em primeiro lugar, quero agradecer a sua visita e comentário ao meu "Ventanias". Estas andanças, na blogosfera, são relativamente novas para mim e, por isso, ainda estou dando os primeiros passos mas apreciando a caminhada. É interessante a quantidade e qualidade de blogs que encontramos no mundo virtual. Pena é não haver concretização no mundo real... As pessoas escrevem aquilo que lhes vai na alma, os seus pensamentos mais profundos mas quando se trata de tomar atitudes, o cenário torna-se mais complicado...

Gostei do seu blog. Revela muitas leituras e conhecimento do mundo, com perspectivas interessantes. Espero voltar e comentar. Afinal, um blog alimenta-se da interacção entre os viajantes da blogosfera... (digo eu)
X@u

Funchal

Funchal