domingo, 14 de setembro de 2008

Parabéns Pedro e muitas,muitas felicidades!!!!!

Mais um engenheiro em casa!
Mais um engenheiro na família!
O fim do curso.
O final de anos,décadas, de escola!
Batalhando, lutando, chorando...
por a última nota que dá o canudo,e junta um esdrúxulo título ao nome, como doutor, professor, arquitecto, e neste caso engenheiro.
Srº Engenheiro,como eu sempre te chamei, e tu sorrindo dizias: - "aspirante a engenheiro, tia"
É aquela exigência social para um pretenso "futuro melhor".
Recordam-se as noitadas, as frustrações, os momentos em que só queríamos enfiar um murro no professor, ou atirar o computador janela fora porque não sabemos como continuar o trabalho.
Centenas de euros despendidas em propinas,fotocópias, impressões, material, cadernos...viagens para a Ilha da Madeira, aquele regressar a casa que todo o estudante ilhéu tanto anseia.
E, aquela alegria superior de concluir uma cadeira?
... agora, é já, só as recordações, a saudade que fica.
Claro, com tudo isto, espera-se que o final do curso, seja no mínimo apoteótico!
Que desçam os anjos à Terra e cantem benções e Hossanas!
Que nos estendam um tapete vermelho e saltem as rolhas de champanhe!
Que todas as pessoas à nossa volta gritem vivas e parabéns e, ... de repente desçam do tecto bolhas de luzes brilhantes, confeites e música, que tudo se transforme numa discoteca com toda a gente a dançar e a comemorar!
Claro, isto sou eu a pensar numa grande festa.
O Filipe acha que no minímo mereces um carro novo, os teus pais estão felizes, orgulhosos, e , eu, nem sonho o que te vão oferecer...e, devem achar as minhas ideias malucas...
Mas não.
Terminar o curso é mesmo algo tão seco quanto ir ver um número numa folha, perceber que aquela é a última cadeira e "ah... bom, acabei... sim... certo... OK...".
Olha-se em volta, e não há anjos nem Hossanas, e não há brindes de champanhe nem música de celebração... e, é simplesmente o inicio de uma nova e preocupante étapa, conseguir entrar no mercado de trabalho.
E vamos embora.

6 comentários:

Anónimo disse...

Não sabia que a minha tia tinha um blog! Acho mto bem, continue assim... Mto obrigadoo pelo texto que me dedicou. Beijinhos e até já!

Pedro

Anónimo disse...

Obrigado, mana!
Com estas alegrias se vai atenuando o branquear dos cabelos...
Que outras boas alegrias nos sejam brevemente permitidas!...
Bjs.

Shakanuno disse...

Parabéns ao Sr. Engº Pedrinho. Agora é que começa a dança. eheheh!!!

Grande abraço e força. Os papás devem estar babadíssimos.

;)

Shakanuno disse...

a tia, abviamente, e como atesta o texto, está.

Concha disse...

E que tal, mudar a sede da "Ordem" dos para o V/ domicílio...mais dois aninhos é o mais novo!
Quanto aos cabelos brancos,não tenho coragem para os apresentar, enquanto houver uma tintinha vou sempre colori-los...afinal, continua a ser a irmã mais nova a tia mais nova...

MarTIC@ disse...

A Família é para si, sem dúvida alguma, a sua maior fonte de inspiração. Desde a filha aos sobrinhos, não se cansa de lhes tecer rasgados elogios. Orgulhosa, ternurenta, disponível... Sempre com palavras que preenchem e revitalizam o ego...
Nice to meet you!
Ah! E parabéns ao mais recente Engenheiro do clã.

X@u

Funchal

Funchal