sábado, 31 de janeiro de 2009

Ainda o meu vício...

Nem vou mentir, afirmando que não tenho medo do futuro.

Tenho tomado consciência do presente.
Eu ,já não sou a mesma, estou numa metarmofose.

Vou me descobrindo que por entre os meus desenganos, e por entre as minhas vitórias, tenho comemorado coisas simples..,como poder acordar tarde ao sábado.

Sentir prazer em respirar, e simplesmente sorrir.

Tenho lido mais.

Tenho analisado menos, e tento fazer mais.
Por mais que o meu máximo pareça tão pouco ,tenho tentado me entender.

Mas confesso que o mais difícil é me perdoar.

Tenho tentado esquecer..porém tem sido difícil .

O tabaco e os seus malefícios.

O fumo é o mais grave problema de saúde pública.

Assim como não admitimos que os comerciantes de heroína ou de outra qualquer droga façam propaganda para os nossos filhos, todas as formas de publicidade do cigarro deveriam ser proibidas terminantemente.

Afinal, que pais e mães somos nós?~
Não vou desculpar-me, porque já fumo pouco .
(2 a 3 por dia, excepto quando saio da rotina, e dos meus ritmos, acontece sempre no fim-de-semana)
Vou já parar de fumar!

8 comentários:

Zeca - Diabo disse...

Deixa já de fumar. O hábito de fumar é uma "bengala" para os fracos, para quem quer substituir o que há de bom na vida por engolir fumo. Sim minha querida, até soa ridiculo, mas é o que os fumadores fazem. Portanto não é nada adequado para uma pessoa como tu. Bjs

Concha disse...

Ao:Zeca - Diabo, versus - diabinho!

Hoje é o meu dia zero!
Obrigado pelo apoio.
Bjs

MarTIC@ disse...

Cara Concha:
Quem nunca errou que atire a primeira pedra!
Deixar um vício não é nada fácil! Depende muito da vontade de cada um e do objectivo com que o faz.
Muita coragem e determinação são palavras-chave para o abandono do vício...
Pelos vistos, está numa fase de mudança. Isso é fantástico! Poder(re)conhecer-se melhor. Ter diferentes perspectivas daquilo e daqueles que a rodeiam. Crescer, amadurecer, sempre. Mas sem culpas! Aceitando as oportunidades que o destino lhe dá para mudar...

«We are defined by opportunities, even the ones we miss»
In: The curious case of Benjamim Button

Bjinhos e muita força!
X@u

Zeca - Diabo disse...

"Sou tudo o que errei até hoje"

Concha disse...

À amiga MarTIC@
Confesso:
-Não é fácil.
Um dia de cada vez, e muita determinação.
Obrigada, pelo apoio.

Bjs

Zeca - Diabo disse...

Não é fácil? Então Tchitia, tranquila, isso para ti e para a tua personalidade e espirito é uma volta no parque. Não tenho duvidas. Deu-me tanto prazer deixar de fumar, e foi uma vitória tão saborosa, que até já pensei começar a fumar novamente para ter o prazer de parar. LOL
Bjs

Bianca De Vit disse...

E aí? Tá conseguindo??
Força pra você!!

Abraço!

Dalva M. Ferreira disse...

Conchita... eu fumava QUATRO MAÇOS POR DIA. Se é possível, e daqueles de filtro amarelo, que são os mais fortes. Se não tivesse, catava bitucas no chão, nos pontos de ônibus. Eu era viciadíssima, viciadérrima. Minhas filhas pediam, mamãe pedia, meu marido (ex marido, que o diabo o carregue) engolia a fumaça. Até que descobri a MÃO DE DEUS, no www.actionlaser.com.br É fantástico, e tem similar aí na Europa. Beijos!

Funchal

Funchal